InícioIniciativas em todo o mundoColégio Hawthorn, Canadá
Iniciativas em todo o mundo

Colégio Hawthorn, Canadá

Etiquetas: Educação, Colégio, Família, Canadá
Colégio Hawthorn
É uma iniciativa pessoal inspirada na mensagem de São Josemaria.
Teresa Tomory e o marido andavam preocupados com a educação dos filhos. E chegou uma altura em que pensaram que deviam meter-se mais activamente na educação deles.

Hawthorn foi fundado em 1989 com o objectivo fundamental de proporcionar uma educação integral aos alunos. Os promotores sonhavam com a ideia de poder criar um colégio que reconhecesse os pais como os primeiros educadores dos filhos. Queriam pô-lo a funcionar respeitando a concepção de que se pode educar cada pessoa não só a nível académico e procurando o seu máximo rendimento intelectual, mas tendo também em conta a evolução e desenvolvimento do carácter. Atender à sua inteligência e à sua vontade. Colocar as virtudes decididamente no primeiro plano da educação. Tudo isso se tornou realidade no Colégio Hawthorn

Teresa Tomory conta como começaram
"Reunimos um grupo de pais e decidimos estudar a possibilidade de começar um colégio. Estávamos entusiasmados e com muita esperança. Não tínhamos nem dinheiro, nem professores, nem local. Mas tínhamos 22 alunos". Teresa explica que a vocação para o Opus Dei a ajuda a assumir as responsabilidades, e lhe dá também a fortaleza e ânimo que são necessários para conseguir enfrentar um projecto cheio de imponderáveis.
Uma iniciativa pessoal é precisamente isso, pessoal, quer dizer, é o empenho ou o projecto de uma pessoa ou de um grupo de pessoas, para dar resposta a uma necessidade que se considerou premente. É preciso pôr mãos à obra sem estar à espera do apoio do governo, ou de qualquer outro tipo de organização.
Teresa Tomory, juntamente com o marido, fundou o Colégio Hawthorn, inspirando-se nos ensinamentos de São Josemaria, contando com a ajuda de outros pais de família.
Teresa Tomory, juntamente com o marido, fundou o Colégio Hawthorn, inspirando-se nos ensinamentos de São Josemaria, contando com a ajuda de outros pais de família.

"A filosofia que inspira Hawthorn - continua Teresa - tem como ponto de partida a certeza de que na realidade são os pais os primeiros educadores. Consideramos a dignidade de cada um baseada no facto de ser filho de Deus. Além disso, damos importância à educação do carácter e à necessidade de uma educação integral. A presença do espírito do Opus Dei no colégio nota-se no cuidado dos pormenores e no ambiente de família. Quem contacta com o colégio fala da cordialidade e da atmosfera familiar que ali encontra. As pessoas notam-no, sem que haja nada de especial, e é isso que queremos transmitir, de acordo com os ensinamentos de S. Josemaria".

"É claro que também se dá importância às virtudes humanas na vida. Os nossos programas procuram contribuir para que as alunos as adquiram. Que sejam jovens valentes, leais, compreensivas. É um projecto aberto a todos e julgo que cada um poderá aproveitá-lo segundo o seu modo de ser específico. Assim estaremos a contribuir para um mundo melhor.
PARA VER O VÍDEO CLIQUE AQUI

SOBRE O COLÉGIO HAWTHORN

Pais e professores
Hawthorn considera que os pais são os primeiros educadores. Por isso é essencial que se envolvam plenamente no colégio, porque só assim se pode apontar na mesma direcção. O objectivo consiste em que ambos os esforços – o dos pais e o dos professores – caminhem em uníssono e se vejam mutuamente reforçados. Quanto aos filhos, o colégio tem uma função de ajuda e de apoio na educação que os pais querem dar aos seus filhos. Quanto aos pais, Hawthorn proporciona aconselhamento e orientação em tudo aquilo de que os pais precisarem. Assim, a formação de pais e professores é retroactiva.

Viver da Verdade e viver a caridade
O que Hawthorn se propõe transmitir é uma abordagem de vida, cujas bases de decisão sejam a liberdade e a responsabilidade. Entretenimento e trabalho sério, com esforço. Virtudes e companheirismo. Pais e professores, com o tempo, foram vendo como as alunas de agora e as que frequentaram o colégio, realmente adquiriram estes valores.

A excelência académica e um desenvolvimento correcto do carácter influenciam as relações que mantêm com os outros estudantes.

Educar o carácter
Na evolução do carácter de cada pessoa, reside a sua futura felicidade. O que é importante é favorecer o desenvolvimento das virtudes e que estas sejam o alicerce das suas vidas. Em Hawthorn as alunas aprendem a apreciar e entender a importância de viver as virtudes.

Consciência social
Todos os anos se organizam no colégio vários projectos de voluntariado com a finalidade de fazer crescer as alunas em generosidade e solidariedade. São oportunidades para entrarem em contacto com as necessidades daqueles que atravessam circunstâncias mais difíceis. Deste modo concentram-se nos problemas dos outros e põem os seus talentos e os seus recursos materiais - se os têm – ao serviço de soluções possíveis.